Pelo menos 11 pessoas morreram e 50 foram dadas por desaparecidas após o naufrágio hoje de um navio na costa leste da ilha Indonésia de Sumatra durante um temporal. O número de pessoas resgatadas até o momento é de cerca de 200, por enquanto não se sabe o número exato de passageiros no “Dumai Express 10“, porque os dados do registro no porto de partida não coincidem com as pessoas resgatadas.
O acidente aconteceu por volta das 9h30 (0h30 de Brasília), 90 minutos depois que a embarcação zarpou da cidade de Batam rumo à localidade de Bengkalis. Dasrul Sekupang, diretor da Polícia Portuária da região, disse que o navio tinha comunicado por rádio, pouco antes do naufrágio, que tinha “várias vias de água”.
Acidentes como este se repetem com relativa frequência no maior arquipélago do mundo, formado por mais de 17,5 mil ilhas, onde todos os anos centenas de pessoas morrem em alto-mar em naufrágios.
O descumprimento das medidas de segurança, como a sobrecarga, é a causa mais frequente dos naufrágios.

Onze morrem e 50 estão desaparecidos após naufrágio na Indonésia

Sem mais artigos