Com a proximidade do primeiro aniversário de morte de Michael Jackson -25 de junho – notícias sobre o julgamento de Conrad Murray (médico de Michael, acusado pela morte do cantor) e sobre a família do Rei do Pop estão cada vez mais frequentes nos tablóides de todo o mundo.

Na última semana, os rumores eram de que Joe Jackson, pai de Michael, estaria culpando sua ex mulher Katherine (80) pela morte do filho. Segundo ele, ela poderia ter sido mais presente na vida do astro e também deveria ter ajudado o filho a se livrar da dependência por remédios controlados.

Numa entrevista à televisão americana, Joe Jackson afirma de forma categórica que se Katherine fosse uma boa mãe, Michael ainda estaria vivo. 

Pai de Michael Jackson culpa mãe do cantor pela morte do filho

Sem mais artigos