Em visita à África, o Papa Bento XVI declarou que camisinha não é solução para a AIDS no país e que o preservativo só pode piorar o problema. Durante sua viagem para Camarões, nesta terça (17), o Papa também disse que a única solução para prevenir a doença é a abstinência ou a fidelidade ao seu parceiro.

Atualmente, estima-se que o HIV atinja cerca de 22 milhões africanos subsaarianos. Ou seja, mais de dois terços da população mundial infectada se encontra na África. Mesmo assim, para o Papa só “os tradicionais ensinamentos da igreja provaram ser a única maneira de prevenir uma epidemia do HIV e da AIDS”.

E completou que essa é uma “tragédia que não pode ser solucionada apenas com o dinheiro, que não pode ser solucionada com a distribuição de camisinhas, que só agravam o problema”.

Papa diz que camisinha não é solução para AIDS

Sem mais artigos