Para marcar o Dia Mundial sem Carne, que acontece no dia 20 de março, vai rolar no sábado, dia 21, o Pic-Nic Vegetariano no Parque do Ibirapuera. O ponto de encontro é em frente ao Planetário, a partir das 10h. Na mesma hora, eventos semelhantes vão acontecer em mais cinco cidades brasileiras: Rio de Janeiro, Campinas, São Luis e Ponta Grossa.

Após a refeição ao ar livre, a partir das 12h, haverá panfletagem e uma manifestação de conscientização sobre o Dia Mundial Sem Carne. De acordo com Daniel Coelho, coordenador do Ativeg, o Pic-Nic e a manifestação visam “a conscientização das pessoas sobre as conseqüências do hábito de comer carne, levando até elas informações sobre o impacto da pecuária para os animais, para a Floresta Amazônica e outros biomas ameaçados, bem como para o meio ambiente em geral”. Além disso, completa ele, o pic-nic é uma forma de mostrar como uma dieta vegetariana pode ser completa, saudável e saborosa.

O evento vem sendo divulgado pela internet através de sites e fóruns ligados ao tema. Os organizadores incentivam a todos que quiserem participar a comparecer no parque levando algum prato de comida que não contenha carne na receita. “Também podem levar frutas, sucos, ou que quiserem compartilhar”, convida Daniel.

Em São Paulo (SP), o evento ocorre no Parque do Ibirapuera, como ponto de encontro definido em frente ao Planetário. Das 10 às 12h será realizado um piquenique entre os participantes. Em Campinas (SP), o evento ocorre na Feira de Artesanato do Castelo, na Praça Silva Rego, entre as ruas Alferes João José e Oliveira Cardoso – Bairro Castelo. Em Ponta Grossa (PR), o ponto de encontro é no calçadão do centro próximo ao terminal central de ônibus.

No Rio de Janeiro (RJ), o evento será realizado em 2 pontos distintos, tendo sua primeira ação iníciada na Praça Saens Peña, Tijuca – (11 às 13h). Posteriormente, a segunda ação será iniciada na Praia de Copacabana (concentração na saída da estação do metrô siqueira campos das 15h30 às 16h, quando será iniciada uma caminhada até a praia. Término às 17h).

Em São Luis (MA), a intervenção é feita em dois dos principais terminais de integração de ônibus da cidade. Pela manhã a concentração será no Terminal da Praia Grande (8h30 até às 12h) e à tarde no Terminal da Cohama (14 às 18h). 

O protesto é promovido pela Ativeg – Ativismo Vegetariano, entidade sem fins lucrativos que realiza eventos e campanhas integradas por profissionais e colaboradores atuantes em diferentes áreas profissionais, tais como comunicação, design, educação e muitas outras que oferecem direta ou indiretamente benefícios para a defesa dos animais.

Para quem quiser participar da entidade o site é o www.ativeg.org


Sem mais artigos