Primeiro futebolista da história do esporte mais popular do planeta a conquistar uma Copa do Mundo como jogador e como técnico, em 1958 e 1970, respectivamente, Mário Jorge Zagallo completa neste domingo (09/08), também Dia dos Pais, 78 anos de idade.

Natural de Maceió, o “Velho Lobo”, também apelidado de Formiguinha pelos companheiros da época de campo, devido ao porte físico franzino, é famoso por ser supersticioso, apresentando certa predileção pelo 13, sua marca registrada.

Apaixonado por Flamengo e Botafogo, clubes que defendeu como jogador entre 1950 e 1965, Zagallo ganhou praticamente todos os títulos possíveis no futebol. Desde o torneio início de 1951, passando por Campeonatos Cariocas, até Copas do Mundo.

Se como jogador, o “Velho Lobo” só defendeu três clubes (além de Botafogo e Flamengo, Zagallo também atuou pelo América-RJ), como técnico a história é oposta. Além dos times do coração, o treinador comandou Fluminense, Vasco, Portuguesa, Bangu, Al Hilal e as seleções do Kuwait e dos Emirados Árabes Unidos.

Considerado pé-quente, Zagallo esteve presente em todos os títulos mundiais da seleção brasileira de futebol. Em 58 e 62 como jogador, em 1970 como técnico, e em 1994 e 2002 como parte da comissão técnica.

Sem mais artigos