Você conhece Antônio Augusto de Moraes Liberato? Mesmo que não saiba quem é, conhece sim. O rapaz – a essa altura, não tão rapaz assim – é ninguém menos que Gugu Liberato, que completa 51 anos neste sábado (10). 

O ex-menino prodígio de Silvio Santos no SBT não deve fazer um festão para comemorar a nova idade, ao menos se for para considerar seu momento profissional: à frente do chatíssimo (sim, essa é a opinião pessoal do repórter) Programa do Gugu, na Record, ele vive levando surras no Ibope do Pânico na TV (Rede TV!), do Homem do Baú  e do Fantástico (Globo).

A má fase de Gugu começou em 2003, quando seu programa Domingo Legal, no SBT, veiculou uma entrevista forjada com supostos membros do PCC. Ficou tão feio que ele tentou pedir desculpas, mas não teve jeito: perdeu audiência, patrocinadores e credibilidade, motivos que acabaram levando à sua saida da emissora de tio Silvio, após 28 anos de trabalhos, no ano passado. 

A real é que, hoje em dia, o apresentador é uma mera sombra (de novo, pura opinião pessoal) do que foi nos anos 80 e 90. Naquela época, em programas como Viva a Noite, Sabadão Sertanejo e Domingo Legal, Gugu brindava a família brasileira com algumas das cenas mais bizarras, toscas e hilárias da história da TV ocidental.

Se você é muito novo e não conhece – ou assistiu sim, mas se esqueceu – veja trechos de quadros inesquecíveis como Sonho Maluco e Banheira do Gugu, além da surreal Dança do Passarinho, clique abaixo! (E, ah, já estava esquecendo… Parabéns, Gugu! Desencane dessa história de construir casa, que é muito sem-graça, e leve essas pérolas de volta à telinha!)

 

No aniversário de Gugu Liberato, veja os quadros mais bizarros de seus programas

Sem mais artigos