A pedido de Juliana Cordeiro, uma das protagonistas do caso que ficou conhecido como “traição de Sorocaba”, o Portal Virgula retirou do ar a matéria intitulada “Vídeo de mulher traída é novo sucesso da internet“.

Juliana entrou em contato com o Virgula nesta terça-feira (6) para contar que tem sofrido ameaças e perseguições desde que o caso se tornou público. Ela diz já ter feito um boletim de ocorrência, no qual relatou sua versão da agressão e seus demais desdobramentos.

Esclarecemos aos envolvidos no caso e aos nossos leitores que a matéria veiculada no Portal Virgula apenas reproduz o conteúdo do YouTube e atesta sua repercussão na internet.

Atenciosamente,

Equipe Editorial – Virgula S.A.

NOTA EDITORIAL: Virgula retira matéria do caso "Traição de Sorocaba" do ar

Sem mais artigos