A artista alemã Sarah Schönfeld encontrou uma forma diferente de enxergar as drogas. Ela pegou filme fotográfico virgem e expôs as substâncias em estado líquido. O resultado são imagens surreais que expressam um pouco do efeito da cafeína, cocaína e ecstasy. 

Sarah conta que teve a ideia quando trabalhava num clube, em Berlin. Todos os dias, ela via os frequentadores loucos e chapados, e decidiu explorar esse universo. Em outubro, a artista vai lançar um livro chamado All You Can Feel (Tudo o que você pode sentir, em tradução livre).

Sem mais artigos