Durante um atendimento, uma policial dos Estados Unidos teve seu trabalho dificultado por um “invasor” inesperado, que entrou em seu carro, destruiu documentos e ainda a atacou, deixando-a no chão.

O meliante só não foi preso em flagrante porque era um “inocente” bode.

O caso aconteceu no estado do Geórgia e foi flagrado pela câmera corporal da oficial.

A delegacia do condado de Douglas explicou em seu Facebook que a policial havia se dirigido até a casa para entregar alguns papéis. Ao sair do carro, ela deixou a porta aberta. A profissional contou que este é um costume adquirido após precisar se desvencilhar, em inúmeras ocasiões, de cães agressivos.

Desta vez, para sua surpresa, quem decidiu surpreendê-la foi um bode.

O vídeo mostra que a oficial bate algumas vezes na porta da casa e espera ser atendida. De repente, ela diz “merda” e logo se dirige para o veículo. Lá estava o animal, já mastigando alguns papéis.

“Sai, vai embora”, ela diz, tentando afastá-lo.

Após algumas tentativas, o bode finalmente sai do carro. Mas ele não desiste facilmente de seu lanche e ainda tenta levar alguns papéis embora. Para piorar a situação, a policial é surpreendida pela chegada de dois cães e quando consegue pegar os documentos da boca do animal, ele lhe dá uma cabeça, fazendo com que caia no chão.

A delegacia afirmou que a profissional não sofreu nenhum ferimento. “No final do dia, todos nós pudemos rir e esperamos que vocês também”, escreveu a instituição ao publicar o vídeo em seu Facebook, que já possui quase 9 mil curtidas e 8 mil compartilhamentos.

Sem mais artigos