Heloisa Faissol

Heloisa Faissol

Quem?!?! Ex Socialite e Funkeira

ARTISTA
Emílio: E ai você virou funkeira, você gosta do meio artístico?
Heloisa: Eu sempre me interessei pela carreira artística. Eu fiz pintura, desenho, quando estudei em Paris. Depois eu fiz circo, então, moda, teatro. Me formei em dança, fui fazendo tudo o que tinha a ver com criação. Sempre gostei de criar espetáculo, criar idéias, projetos. Porque, sei lá. Vai ver é uma forma que eu encontro de sair do tédio, de não ter depressão, de ter uma vida saudável.

FAMÍLIA
Emílio: Mas eles são muito conservadores? A sua família é muito conservadora?
Heloisa: Eu só sou muito verdadeira, Emílio. Eu não invento nada, sei lá, eu acho que não invento nada. Acho que todo mundo aqui já deve ter conhecido uma mulher galinha, que dá pra cachorro, uma mulher corna, um mauricinho babaca. Eu só escrevo as historinhas de uma forma engraçada.

RISCOS
Silveirinha: Que que é melhor? Voltar pra proteção da sua família conservadora, ou o mundo artístico, que os amigos não são reais?
Heloisa: Eu acho melhor se arriscar mesmo e correr atrás, eu pelo menos, não me imagino desistindo de fazer as coisas que eu gosto, porque eu já vi onde isso dá. Já vivi isso na pele, minha pele ficava com feridas no braço, porque eu tava me obrigando a viver uma situação que eu não queria. Então eu diria que quase que não tem opção. Ou eu sou fiel ao que eu sinto ou ferrou.

Heloisa Faissol

Sem mais artigos