Homem-morre-metro

(Foto: reprodução Twitter/CEN)

Aconteceu na Cidade do México. Um passageiro morreu dentro do metrô e ninguém percebeu. O homem, de 70 anos de idade e não identificado, sofreu uma insuficiência cardíaca e ficou sentado no banco o dia todo, fazendo com que as pessoas pensassem que ele estava dormindo, informa o Metro.

Dezenas de passageiros sentaram ao lado dele e ninguém notou. Grávidas, idosos, crianças, homens, mulheres, ninguém percebeu. Até que, perto das 23h45, horário em que o metrô encerra as atividades, a suspeita de que havia algo errado foi levantada, porque o homem continuava ali ‘dormindo’.

Pessoas tentaram acordá-lo, mas não conseguiram. Então, chamaram os paramédicos que confirmaram que ele estava morto há horas.

Pelas redes sociais, o ocorrido levantou várias questões entre as pessoas do México. Algumas diziam que a humanidade anda tão individualista e desumanizada que não consegue nem reconhecer uma pessoa morta ao seu lado. Outros alertavam: “Se você ver um idoso dormindo no metrô, não custa nada perguntar se ele está bem“.

Tipos 'esquisitões' já vistos nos metrôs

 

 

 

Homem de 70 anos morre no metrô e ninguém percebe

Sem mais artigos