Vem aí mais uma marca para o Guinness Book: o indiano Ramajit Raghav, de 94 anos, afirma que é o pai mais velho do mundo. Sua esposa Shakuntala, de 59 anos, deu a luz ao menino Karamjit no mês passado.

O papai-vovô revelou que “é ótimo ser o pai mais velho do mundo” e que “como um fiel seguidor de Shiva, rezou para ele a criança foi enviada a ele como um presente de Deus”. É claro que, com tanta idade, não foi fácil engravidar sua esposa. Ramajit afirmou que teve que fazer dieta para que sua virilidade pudesse se manifestar – e que em seu cardápio diário estava incluso três litros de leite, meio quilo de amêndoas e meio quilo de uma espécie de manteiga.

E o viagra? Ramajit não sabe bem o que é, mas nega veementemente que tenha usado qualquer medicação. “Eu visitei um médico na vila e ele me deu uns comprimidos, mas eu não os tomei e os joguei fora”, afirmou. O indiano também revelou que não tem medo de deixar seu bebê órfão de pai tão cedo: “nada vai acontecer ao meu filho e eu só morrerei se uma cobra negra me morder. Visite-me daqui a 10 anos e você vai me encontrar com a mesma aparência”, prometeu.

Homem de 94 anos afirma ser o pai mais velho do mundo

Sem mais artigos