Um homem de 67 anos, que tinha ido a um clube de strip tease no Texas, EUA, teve um ataque cardíaco, sem que ninguém percebesse, e morreu. Robert Gene White passou despercebido durante a noite toda, até que as garotas foram pedir o pagamento pela dança.

 

Ao notar que o senhor não se mexia, nem respirava, os funcionários do clube Red Parrot chamaram uma ambulância, mas já não havia o que fazer. A dança das garotas da casa tinha sido demais para o pobre coração do homem…

Segundo os relatórios médicos, White morreu de causas naturais. A polícia de El Paso, onde fica o bar, descarta a possibilidade de envenenamento ou algo do tipo. Conforme informações do “The Sun”, infartos silenciosos são mais comuns do que se pode imaginar e cerca de 200 mil pessoas são atingidas pelo mal súbito por ano, só nos EUA. 

Idoso tem ataque cardíaco e morre em clube de striptease

Sem mais artigos
Sair da versão mobile