É mais provável que um leão coma você logo depois da lua cheia, pelo menos é o que divulgou um estudo realizado por pesquisadores africanos. Outros predadores, assim como lobos, também podem ser mais perigosos quando a lua começa a minguar.

Os cientistas estudaram os registros de cerca de 500 ataques de leões a moradores da Tanzânia entre 1988 e 2009. A descoberta poderia explicar a superstição de que a lua cheia é o prenúncio do mal ou do desastre, assim como sua associação com lobisomens e vampiros.

Em mais de dois terços dos casos, as vítimas foram mortas e depois comidas pelos leões. A grande maioria dos ataques ocorreu entre o anoitecer e 22h nas noites em que a lua estava minguante e fornecendo pouca luz.

O estudo ainda explica que os leões caçam com mais sucesso na escuridão, pois isso os ajuda a surpreender suas presas, enquanto que nas noites de lua cheia eles acabam tendo que passar fome, já que está tudo muito claro e eles podem ser facilmente vistos. Mas a recompensa vem no período após a lua cheia, que fornece ao leão uma boa oportunidade para recuperar o atraso nas refeições perdidas.

Essa descoberta ficou clara quando os pesquisadores compararam as taxas de ataque com as fases da lua. Os ataques foram um terço mais frequentes durante a segunda metade do ciclo, quando havia pouca ou nenhuma luz do luar.

”Apesar de estarmos mais protegidos contra ataques de leão durante noites bem iluminadas, a lua cheia indica com precisão que o risco de ser atacado por um leão irá aumentar dramaticamente nos próximos dias. Assim, a lua cheia não é perigosa em si, mas sim um presságio das trevas que estão por vir”, escreveram os pesquisadores da Tanzânia.

O estudo foi publicado hoje na revista on-line da Biblioteca Pública de Ciência ONE.

Portanto, cuidado! Quando não tiver uma lua cheia no céu você poderá ser surpreendido por um leão faminto que não vai querer bater um papo, mas apenas te comer.

Sem mais artigos