O bairro de Iztapalapa, na Cidade do México, ingressou nesta quinta-feira (25) no Guinness Book ao conseguir mais de 407 horas ininterruptas de leitura em voz alta, anunciou uma fonte oficial.

 

A juíza do Guinness, Amanda Mochan, supervisionou e entregou o certificado oficial, segundo um comunicado de imprensa das autoridades do bairro. Desta forma, foi superada a marca anterior que era de 365 horas e 39 segundos, obtida em Santo Domingo em fevereiro.

Durante 17 dias consecutivos, de 9 a 26 de abril, 1.930 pessoas leram de maneira contínua e em voz alta mais de 300 obras literárias, em um total de 407 horas, 28 minutos e 12 segundos.

Na maratona de leitura, tendo como sede o Jardim Cuitláhuac, uma esplanada ampla ao ar livre, foram lidas obras literárias completas por períodos de 24 horas.

Cada jornada foi dividida por temas: história do México, amor, violência, narcotráfico, literatura no cinema, suspense, terror, ficção científica, humor, sexualidade e eros, feminismo, ecologia, aventuras, romances de aventuras e juvenis.

Sem mais artigos