Uma ex-miss sofreu um acidente, aparentemente, bobo e acabou ficando sem parte de seu cérebro. Jamie Hilton, de 36 anos, estava pescando com o marido nos EUA, quando seu pé ficou preso em uma grade e ela caiu cerca de 3 metros, sobre uma barreira de concreto, batendo a parte traseira de sua cabeça, que afundou. Para salvá-la do afundamento, os médicos retiraram 25% da caixa craniana e a colocaram em seu abdômen, até que fosse possível realoca-la.

 

O acidente aconteceu em junho deste ano e Jamie foi submetida a duas cirurgias delicadas. Primeiro, assim que foi socorrida pelo marido Nick e seu cunhado, o cérebro foi drenado para conter o sangramento e diminuir o inchaço. Neste momento, um grande pedaço de seu crânio foi armazenado em seu abdômen, para que permanecesse de forma segura e “alimentado” até ser recolocado no devido lugar – a alocação de partes do corpo em outras regiões, para a regeneração, é um procedimento comum na medicina. 

Jamie passou por um período de coma induzido e quando acordou estava com a cabeça raspada e costurada, além de ter uma saliência estranha na barriga. “Eu parecia o Franknstein”, brinca. “Foi muito chocante. Eu não sabia que eles fariam isso”, disse a moça rindo em entrevista ao “Daily News“.

O crânio de Jamie permaneceu em seu abdômen até que o cérebro desinchasse e voltasse ao tamanho normal. Só então, 42 dias depois, foi realizada uma nova operação para colocar tudo em seu devido lugar, com ajuda de parafusos de titânio. 

“Posso andar, escrever, ler, dançar, pegar meus filhos. Eu estou normal”, agradece Jamie. Segundo o jornal, a miss Idaho 2009, mãe de três filhos, tem uma personalidade contagiante, é alegre e acredita que os médicos tenham feito um trabalho incrível, além de ter certeza que o poder da fé foi um estímulo para sua espantosa recuperação. 

Sem mais artigos