A professora assistente Laura Lee Kelly estava precisando de uma babá para cuidar de sua filha de seis anos, como não encontrou alguém disponível, decidiu pagar mas cervejas para que moradores de rua cuidassem da pequena. Conclusão: acabou presa e, detalhe, o compromisso inadiável da mulher era um encontro sexual com dois homens! 

 

A menina foi encontrada pela polícia do Arizona, EUA, sem água e embaixo do sol depois de 4 horas longe da mãe. Pessoas que passaram e viram a garotinha em companhia das “estranhas babás” fizeram a denúncia. 

Os policiais acharam a mãe sentada em uma praça junto com um homem, que confessou ter passado a tarde toda fazendo sexo com Laura. Ao que tudo indica, a mulher estava se prostituindo. 

Laura admitiu que não foi uma boa ideia deixar a filha com os mendigos, e menos ainda pagar os “serviços” dos homens com cerveja. Conforme informações da “Fox News”, a mulher disse que sentia “uma vontade incontrolável de fazer sexo” e, por isso, precisou deixar a menina. 

Depois de prestar esclarecimentos, a professora foi suspensa de suas atividades na escola onde lecionava há alguns meses e está sendo acusada de abuso infantil, mas já foi liberada da cadeia. 

Sem mais artigos