Ação acontece entre 2 e 11 de março em galeria em Melbourne

Daily Mail / Reprodução Ação acontece entre 2 e 11 de março em galeria em Melbourne

Uma artista tem causado alvoroço na internet após compartilhar imagens em que ela faz “tricô vaginal”. A australiana Casey Jenkins, 36 anos, inseriu e prendeu o novelo de lã na vagina para trabalhar com o fio em uma ação realizada em 2013 e vai repetir a ideia novamente entre 2 e 11 de março, na casa de exposição Melbourne Town Hall, na Austrália. O projeto intitulado ‘Programada para Reproduzir’ deve durar 28 dias. As informações são do Daily Mail.

A repercussão na web foi negativa e internautas a chamaram de “nojenta” e irresponsável em relação ao risco de infecções. “É intrigante que os comentários mais negativos vieram de mulheres”, disse a artista em entrevista ao canal ABC. O efeito causado pelo projeto fez Casey concluir que o sistema tem um “poder imenso sobre as pessoas, e que elas são mais propensas a seguir regras do que desafiá-las”.

Em 2013, Casey se apresentou na Darwin Visual Arts Association, sentada e fazendo tricô vaginal durante um mês, mesmo durante seu período menstrual.

 

Sem mais artigos