Uma mulher se enrolou em plástico bolha com um intuito maligno: esfaquear e matar o ex-marido. Laura Jean Wenke, aparentemente, estava com ciúme da nova namorada do ex e decidiu acabar com a vida dele. 

Segundo a polícia de Los Altos, Califórinia, onde o crime aconteceu, o ataque foi cuidadosamente planejado e a “roupa mirabolante” usada para que a mulher não ficasse respingada do sangue que tiraria do marido.

LEIA TAMBÉM: Marido põe hormônio masculino na comida da esposa para acabar com aparência dela

Depois de se embrulhar no plástico, vestir um macacão e botas, Laura partiu para o escritório, onde o homem estava trabalhando. Ela conseguiu acertá-lo com a faca no pescoço e no peito, enquanto o ex estava sentado em seu computador. 

Esperto, o marido conseguiu escapar, chamar a polícia e denunciar a maluca. Ele foi encontrado pelos oficiais ensanguentado em frente ao prédio, enquanto ela foi presa ainda dentro do escritório e vestida no plástico bolha igualmente cheio de sangue. 

Laura foi acusada de tentativa de homicídio e outros crimes, apesar de se declarar inocente, ela está presa sem direito à fiança e aguarda audiência para definir qual será sua pena final. 

Membros da família afirmam que o casal entrou com pedido de divórcio em agosto de 2010. Eles têm um filho de oito anos. 

Mulher se veste com plástico bolha para esfaquear marido

Sem mais artigos