E não é que o alemão  ex-membro da juventude hitlerista acabou tendo atitudes “modernas” como Papa? Recentemente, Joseph Ratzinger (a.k.a. Bento XVI) deu uma entrevista ao jornalista alemão católico Peter Seewald dizendo que o uso de preservativos era justificável em alguns casos, citando o exemplo de prostitutos evitando espalhar doenças como a AIDS. Agora foi confirmado pelo Vaticano que mulheres e transexuais também estão liberados para usar camisinha.

Seewald publicou um livro usando a declaração do Papa Bento XVI, mas como o livro foi editado em várias línguas, o substantivo prostituto foi usado no masculino nas traduções em inglês, alemão e francês, enquanto a versão italiana usa no feminino: prostituta.

O Padre Federico Lombardi, porta-voz do Vaticano, declarou nessa terça-feira (23) que teria conversado com o Papa sobre o assunto. “Eu perguntei ao Papa pessoalmente se havia uma distinção séria na sua escolha ao falar no masculino e ele disse que não”, contou Lombardi.

“Isto é, [o uso de preservativos] seria o primeiro passo para a responsabilidade e conhecimento dos riscos que a outra pessoa corre ao ter uma relação”, explica o sacerdote. “Se é um homem, mulher ou um transexual que faz isso, estamos no mesmo ponto, que é o primeiro passo para evitar que outra pessoa se contamine”.

Mesmo que essa “liberação” do uso de camisinha seja apenas visto pela igreja como um passo para a moralização do sexo, tem muita gente (nós do Virgula inclusive) que conseguem ver uma avanço da igreja contra os próprios dogmas.

Papa Bento XVI é recebido com beijasso gay em Barcelona no dia 7 de novembro

“Pela primeira vez o uso de camisinhas em circunstâncias especiais foi apoiado pelo Vaticano e isso são boas novas e um bom começo para nós”, disse Margaret Chan, diretora-geral da Organização Mundial da Saúde.

“Esse é um passo significativo e positivo tomado pelo Vaticano,” comentou Michel Sidibé, diretor executivo da UNAIDS, programa da ONU para o combate ao HIV. “Esse movimento reconhece que o comportamento sexual responsável e a utilização de preservativos tem um papel muito importante na prevenção contra o HIV.”

“This move recognises that responsible sexual behaviour and the use of condoms have important roles in HIV prevention.”

via Telegraph

Papa liberou camisinha para mulheres e transexuais

Sem mais artigos