Grafites são feitos por gente jovem e para gente jovem? Um grupo de idosos portugueses mostra que é bom rever alguns conceitos de vez em quando. O LATA 65 é um projeto luso bacanudo que não só ensina velhinhos a história da arte urbana, mas também coloca latas de spray nas mãos deles.

Os grafiteiros de terceira idade criam seus próprios stencils e suas próprias tags para colorir as ruas de Lisboa (uma mulher chamada Luisa criou a tag Armando, em homenagem ao marido falecido dela; me diz o quão fofo é isso).

O objetivo do LATA 65 é eliminar os clichês em relação à arte de rua, expandindo o número de pessoas interessadas por ela, e, é claro, levar um pouco mais de cultura e diversão às ruas da cidade. Na galeria aqui em cima, estão algumas das fotos compartilhadas no Facebook do projeto.

Sem mais artigos