Rebeldes talibãs, vários deles terroristas suicidas, lançaram neste sábado um ataque múltiplo contra prédios do governo afegão na cidade meridional de Kandahar, horas depois de o movimento talibã prometer vingar a morte do líder da Al Qaeda, Osama bin Laden.

O ataque mais grave ocorreu no escritório do governador regional de Kandahar. “Pelo menos dez pessoas, inclusive civis e militares afegãos, ficaram feridas”, disse o porta-voz do político, Zalmai Ayubi.

Alguns membros do comando talibã tentaram, sem sucesso, invadir uma delegacia de Polícia, mas foram baleados ou detidos pelas forças de segurança, enquanto os demais agressores se esconderam em um hotel e de lá continuaram atirando.

De maneira simultânea, outro grupo de insurgentes atacou um edifício dos serviços de Inteligência afegão e um complexo policial nos arredores da cidade.

Neste mesmo sábado, o porta-voz talibã Zabiullah Mujahid aceitou como válida a confirmação emitida na sexta-feira de que Bin Laden foi de fato morto durante uma operação das Forças Armadas americanas na segunda-feira passada, no norte do 

Talibãs lançam ataques contra edifícios oficiais em Kandahar

Sem mais artigos