Um terremoto de 6,8 graus de magnitude na escala Richter sacudiu nesta quarta-feira a selva peruana, perto da fronteira com o Brasil, sem provocar danos ou vítimas, informou a Polícia à Agência Efe.

Segundo informações preliminares do Instituto Geológico dos Estados Unidos (USGS), o epicentro foi a 146 quilômetros de profundidade e a 82 quilômetros ao norte da cidade de Pucallpa.

Nesta localidade, a capital e principal cidade da região, a Polícia confirmou à Efe que não foram registrados danos materiais nem vítimas.

O sismo foi sentido em Lima, assim como em quase todo o território peruano, segundo informaram veículos locais e os usuários das redes sociais.

No entanto, a Polícia de Pucallpa destacou que o tremor levou diversos moradores da cidade a deixarem suas casas e seus locais de trabalho.

A Polícia também assinalou que o lugar do epicentro, ao norte da cidade, é uma região pouco habitada, mas que, por ser de difícil acesso, ainda não há informações sobre o real estrago do sismo.

O tremor também foi sentido em quase todo o território do Equador.

Segundo o Instituto Geofísico da Escola Politécnica Nacional, o sismo foi sentido nas cidades litorâneas de Guayaquil, Machala e Manta, assim como na andina de Loja e na amazônica de Puyo.

Terremoto de 6,8 graus atinge selva peruana, perto da fronteira com o Brasil

Sem mais artigos
Sair da versão mobile