Inspirada em celebridades como Alexa Chung, Kate Moss e Candice Swanepoel entre outras celebridades, a última moda entre as adolescentes americanas é o chamado “thigh gap”: ter um espaço vazio entre as coxas, mesmo quando posicionadas juntas. 

Muitas jovens acreditam que, para terem um “corpo fisicamente perfeito”, quanto mais amplo for esse espaço, mais belas e sexy elas serão. Mas, perseguir esta silhueta pode levar à anorexia ou à depressão.

Redes sociais

No Tumblr, no Pinterest ou no Facebook, meninas muito jovens, ávidas por demonstrar o sucesso em imitar as modelos – ou em alguns casos, seus trágicos fracassos -, publicam fotos de coxas mais ou menos esbeltas no primeiro plano que revelam uma magreza às vezes insuportável. Além das redes sociais, no canal YouTube circulam dezenas de tutoriais explicando como conseguir esse espaço tão desejado. Em casos mais extremos, há quem recorra à cirurgia.

Assim, em uma conta no Twitter, Cara Thigh Gap se dedica à magreza extrema da modelo britânica Cara Delevingne e dezenas de sites e páginas do Facebook disponibilizam planos ou exercícios de ginástica para conseguir o desejado espaço entre as coxas.

Veja na galeria algumas das famosas que inspiram esse “movimento”:

Depois da "barriga negativa", espaço vazio entre as coxas é a nova obsessão feminina nos EUA

Sem mais artigos