Melissa McCarthy, não é linda, alta e magra como boa parte das estrelas de Hollywood e essas características não lhe fazem nenhuma falta. Além de ter alcançado o status de uma das atrizes mais queridas da atualidade por conta de seu talento, com sua silhueta plus size, ela conseguiu quebrar os paradigmas de uma profissão tão diretamente ligada às aparências.

A atriz, que está em cartaz na comédia “Uma Ladra Sem Limites” que estreou nesta sexta-feira (10), concedeu uma entrevista à revista Monet e falou sobre a ditadura da magreza na indústria do cinema. Ela garantiu que apesar de seus 110 quilos distribuídos em 1,57m jamais foi pressionada a perder peso.

“Isso (ser pressionada para emagrecer) nunca aconteceu. O seriado Mike & Molly é o único trabalho da minha carreira em que uso meu peso como uma característica da personagem. Até hoje as mulheres que vivi não precisavam ser grandes ou pequenas. Tive a sorte de interpretar personagens cuja aparência física não era tão importante para o desenvolvimento da história”, disse.

Ela também falou que se sente referencia para o público feminino: “Elas gostam de ver uma mulher com aparência comum na televisão. É surpreendente como a plateia, tanto feminina quanto masculina, se identifica com nossos personagens na série (Mike é vivido pelo ator Billy Gardell). A variedade de tipos físicos, seja por conta da raça ou do peso de cada um, é sempre um sinal democrático”, contou.

Pesando 110 kg Melissa McCarthy declara: "Pessoas gostam de ver uma mulher com aparência normal na televisão"

Sem mais artigos