Durante a semana de moda de Melbourne, na Austrália, militantes de um grupo que é contra a exploração de animais conseguiram banir o uso de peles durante todo o evento.

Durante um dos desfiles, integrantes do PETA [sigla que em português significa Pessoas Pelo Tratamento Ético dos Animais] invadiram a passarela com cartazes condenando o uso de peles para confecção de roupas e acessórios.

LEIA MAIS: Grife Daspre dá segunda chance a presidiárias através da moda

Preocupada com a segurança das modelos e dos convidados, a produção da Melbourne Fashion Week pediu aos estilistas que não levassem as peças produzidas a partir de peles de animais para o desfile.

Assita ao vídeo do momento da invasão, cortesia do blog Teddy Hilton:



Sem mais artigos