Bon Jovi inaugura restaurante assistencialista

Stephanie Rose, Jon Bon Jovi e sua mulher, Dorothea Rose Hurley

Jon Bon Jovi resolveu investir no mundo da culinária e abriu seu próprio restaurante. Porém, o cardápio não tem preços e apenas sugere uma doação para cobrir os custos da refeição.

O JBJ Soul Kitchen foi inaugurado em Red Bank, Nova Jersey, na última quarta-feira (20) e oferece refeições gourmet para os clientes que podem escolher pagar um valor ou se voluntariar para trabalhar como forma de pagamento.

LEIA MAIS: Dia Mundial Sem Tabaco: veja músicos que deixaram de fumar

Exposição traduz em fotografias os melhores momentos de bandas como Fresno, Gloria e Bon Jovi

“Em um momento em que uma em cada cinco famílias vive na linha da pobreza ou abaixo dela, e no momento em que um em cada seis norte-americanos não tem certeza de ter comida, chegou o momento deste restaurante”, disse Bon Jovi, em comunicado oficial.

O cantor planejou o restaurante durante dois anos e serve refeições para pessoas que as conquistam, seja por se voluntariarem no restaurante ou em outras organizações locais, informou a Jon Bon Jovi Soul Foundation.

Os voluntários podem trabalhar no preparo da comida, atendendo mesas ou abastecendo prateleiras. Os clientes que pagarem a doação sugerida de 20 dólares por uma refeição de três pratos também são bem-vindos no restaurante, que usa ingredientes de seus próprios jardins orgânicos, com comidas naturais também sendo doadas por comerciantes locais.



Bon Jovi inagura restaurante que troca voluntariado por refeições gourmet

Sem mais artigos