11756902_10206097136320118_1080038091_o

Em maio deste ano o mestre da soul music, Charles Bradley, veio até o Brasil para abençoar a gente com sua música. Com dois shows esgotadíssimos no Sesc Pompeia, em São Paulo, o cantor americano de 66 anos regeu um verdadeiro culto sonoro diante dos fãs. Foi uma lição de vida. Cada palavra que saia de sua boca, e que remetia as suas experiências sofridas, pegava o público de jeito. Eram sorrisos e lágrimas no rosto das pessoas. Tudo junto e misturado.

Aproveitando essa passagem de Charles, o Virgula Música teve o prazer de conversar com ele para saber de onde vem suas influências, inspirações de vida e o que ouve em seu som. O cara participou do nosso quadro Toca Aquela e revelou que James Brown e Aretha Franklin são apenas alguns dos artistas que fazem a sua alma flutuar. Mas tem muito mais por trás desse grande homem, até música gospel ele ouve. É um sábio e devemos ouvi-lo.

Ficou curioso? Então dá o play e se joga nesse alto astral de Charles:

Toca Aquela com Charles Bradley

Sem mais artigos