O mangue beat, uma das cenas mais importantes a movimentar a música brasileira nas últimas décadas, será celebrado com uma série de quatro shows gratuitos, nos dias 11 e 12 de outubro. Caranguejando – 20 anos de Mangue Beat reunirá nomes como Mundo Livre S/A, banda pioneira do movimento ao lada de Chico Science e Nação Zumbi, e ainda Curumin, Pedro Luís, Isca de Polícia, Mombojó, entre outros.

Os quatro shows gratuitos rolam na Praça do Patriarca. A programação será dividida em dois dias. No sábado, dia 11 de outubro, a partir das 14h, a banda paulistana Isca de Polícia convidará cantor carioca Serjão Loroza e, em seguida, será a vez de a banda pernambucana Mundo Livre S/A dividir o palco com o cantor e compositor carioca Pedro Luís. Já no domingo, dia 12 de outubro, a banda Paraphernália, do Rio de Janeiro, tocará ao lado da cantora e compositora brasiliense Ellen Oléria. Para encerrar, o Mombojó, de Recife, vai se apresentar com a participação especial do cantor e guitarrista Curumin, de São Paulo.

O festival tem curadoria da jornalista Monica Ramalho e direção artística da Baluarte Cultura. Com o auxílio do diretor musical Paulo Lepetit (também líder da Isca de Polícia, que fará o show de abertura da série), cada banda criou um roteiro misturando clássicos do gênero e repertório próprio, trazendo novas leituras para dialogar com o movimento nascido na lama cheia de fertilidade do mangue.

SERVIÇO

Festival CCBB Caranguejando – 20 anos de mangue beat
Dias: 11 e 12 de outubro
Local: Praça do Patriarca – Centro SP
Horário: Das 14h às 17h30
Grátis

Programação
Dia 11 – a partir das 14h

– Isca de Polícia (SP) e Serjão Loroza (RJ)
– Mundo Livre S/A (PE) e Pedro Luís (RJ)

Dia 12 – a partir das 14h

– Paraphernália (RJ) e Ellen Oléria (SP)
– Mombojó (PE) e Curumin (SP)

Sem mais artigos