O clima esquentou durante um show do Limp Bizkit, que aconteceu na última terça-feira (5), na Rússia. Fred Durst, vocalista da banda, convidou três fãs para subir ao palco e acompanhá-lo nos vocais da música Eat You Alive

Tudo corria muito bem até que um dos fãs tentou tirar o boné do músico. “Não me toque”, gritou Durst, reprimindo com violência a atitude do homem. “Vou fazer com que você seja expulso do show. Eu não encosto em você e você não encosta em mim!”, gritou enquanto seguranças subiam ao palco para retirar o rapaz. 



No mês passado, o músico revelou o nome do novo disco de sua banda, o sexto da carreira: Stampede Of The Disco Elephants. Em entrevista à revista Kerrang, Durst disse que o novo álbum vai reunir canções que vai agradar tanto “meninas quanto rapazes que gostam de rock”.

O disco conta com quase toda a formação original do grupo; a única exceção é o DJ Lethal, expulso da banda após conflitos com Durst. O baterista John Otto também chegou a ser afastado da banda, mas retornou antes do início das gravações do novo trabalho.

Stampede Of The Disco Elephants será o primeiro disco do Limp Bizkit pela gravadora de hip-hop Cash Money. Segundo Durst, a opção de assinar com a Cash Money foi a melhor para o grupo.

“Um ano e meio atrás percebemos que abandonar aquele barco [a Interscope, antiga gravadora da banda], que parecia perdido. Muitas gravadoras se interessaram pela nossa ‘grife’, que não era a mentalidade que a gente queria. Quando encontrei os caras da Cash Money, a conversa foi bem diferente”, contou.

Sem mais artigos