Tati Zaqui

Tati Zaqui

Filha de um ferramenteiro e de uma costureira, Tatiane Zaqui, de 21 anos, deixou de chamar atenção apenas dos meninos e meninas da cidade onde mora, Santo André, e do meio do funk, onde é conhecida como MC Tati Zaqui, para se tornar um símbolo sexual ao ir parar na capa da Playboy deste mês.

Veja o lyric vídeo de Água na Boca

Parceira do DJ Perera, midas do funk paulistano e nome por trás de sucessos de nomes como MC Livinho, MC Pedrinho, MC Nego Blue, Bin Laden, entre outros, Tati vê um novo capítulo sendo escrito após a febre em torno dos cordões de ouro, carrões, bebidas e cifrões. “A maior transformação que o funk vem passando é a de fugir desse lado ‘ostentação’, e ir mais para o lado de paródias com desenhos animados, por exemplo”, diz ao Virgula.

Tati é um tanto lacônica ao falar sobre o que pretende fazer com o dinheiro que está ganhando: “Investimentos pessoais”, diz a MC, que segue a mesma linha ao comentar como pretende aproveitar a fama: “Da  melhor maneira possível. Fazendo mais shows e aproveitando novas oportunidades”.

Já em relação à sua orientação sexual, ela é bissexual, Tati também sai pela tangente. “Sobre minha bissexualidade, não escondo e nunca escondi de ninguém. Então não acho que seja relevante ou interessante falar sobre o assunto.”

Fã de Justin Bieber, Selena Gomez, Dulce MariaAnitta, a garota conta que soube que seria uma MC profissional após ter feito uma homenagem a outro ídolo dela, o MC Kauan. “As fãs dele e algumas outras pessoas começaram e me incentivar a compor novas músicas”.

O sucesso mais recente de Tati, Água na Boca, segue a linha funketon, combinação de funk com o reggaeton, ultrapassou a marca de 5 milhões de views. O clipe será gravado em agosto, no México. Muito apropriado para ela, cuja carreira tem subido rápido como tequila.

Sem mais artigos