Os 455 mil bilhetes disponíveis para os sete dias do Rock in Rio foram esgotados em apenas quatro horas, surpreendendo a organização do evento. Agora, quem se surpreende é o público: os cambistas já começaram a revender os bilhetes online, que chegam a abusivos R$ 1.7 mil cada.

Os preços originais dos ingressos eram R$ 260 (inteira), R$ 130 (meia-entrada) e R$ 221 (clientes do banco Itaú). Os fãs que não conseguiram garantir presença na plateia dos seus artistas favoritos podem recorrer ao mercado paralelo, porém, terão de arcar com elevada inflação.

 

No conhecido site “Comprei e Não Vou”, você consegue entradas para ver Beyoncé por R$ 600. Já o show de Bruce Springsteen sai por R$ 1.035 no Ticket Bis. Neste mesmo endereço, ainda existe salvação para quem deseja ouvir Bon Jobi cantando “It´s My Life” e “Always”, mas, provavelmente por ter sido o primeiro a esgotar, é o mais caro: R$ 1725. Um aumento de 663%.

A quinta edição brasileira do Rock in Rio acontece em setembro de 2013 e contará com a presença de Beyoncé, Muse, Justin Timberlake, Metallica, Bon Jovi, Bruce Springsteen e Iron Maiden, entre outros.

Ingressos para o Rock in Rio chegam a R$ 1.750 em site de revenda

Sem mais artigos