Darkthrone

(Foto: divulgação) Darkthrone

Gylve Nagell, integrante do grupo de black metal da Noruega Darkthrone, foi eleito ao conselho da cidade de Kolbotn sem querer. A história foi assim: o músico concordou em estar na lista dos suplentes dos representantes só para ficar ‘de boa’, sem fazer nada, imaginando que nunca ganharia a eleição. Mas, ganhou.

“Eu disse sim porque imaginei que eu ficaria em 18º lugar e não teria que fazer nada. Minha campanha era uma foto minha segurando meu gato e escrita ‘não votem em mim'”, disse Gylve à Time. 

Olhe a foto da campanha:

222

(Foto: divulgação)

Após saber que tinha sido eleito, o metaleiro não gostou nada e contou: “Depois da eleição os caras me ligaram e disseram que eu era um representante. Eu não fiquei muito feliz”, e continua: “Não deve ter muito trabalho. Basicamente eu tenho que ir para as reuniões quando alguém ficar doente ou algo assim”.

Que incrível isso!!

Sem mais artigos