John Frusciante está sendo perseguido por uma fã. O ex-guitarrista do Red Hot Chili Peppers, prestou queixa numa delegacia de Los Angeles na semana passada, alegando que uma mulher, de 32 anos está obcecada por ele. 

Na verdade a obsessão não é apenas na “pessoa” de Frusciante, mas sim em contar a história do guitarrista nos cinemas. A mulher, chamada August Elizabeth Thomas, o tem procurado desde 2010 com a esperança de escrever um roteiro contando sua saga e, ao que tudo indica, a tiete surtou quando teve um “não” como resposta. 

LEIA MAIS: Red Hot Chili Peppers transmitirá show ao vivo nos cinemas

A preocupação de Frusciante, segundo informações do site TMZ, começou, na verdade, quando Elizabeth passou a enviar e-mails e cartas agressivas direcionadas a ele a sua esposa, além de aparecer em vários shows do casal (o guitarrista é casado com Nicole Turley, que também é musicista). 

A gota d’água, no entanto, foi quando a moça apareceu em sua casa nos dias 28 e 29 de julho. “Estou sendo perseguido. Eu temo pela minha segurança e de minha esposa. Dado que somos músicos e muitas vezes estamos em diferentes lugares no mundo todo e é difícil para nós evitar a Sra. Thomas. Se ela estiver livre é mais fácil de continuara a nos inimidar”, disse o ex-Chili Pepper. 

O caso será levado aos tribunais no final do mês. A equipe do TMZ afirma ter tentado entrar em contato com a perseguidora, mas não tiveram respostas a telefonemas e e-mails. 

Sem mais artigos