O Live 8, maior evento já feito para uma tentativa de conscientização do combate da pobreza no mundo, foi um sucesso em público. Porém, alguns artistas não são muito fãs desses shows.

As bandas Oásis e Radiohead acabaram desistindo de participar e Damon Albarn, líder do Blur e Gorillaz, não poupou críticas. O cantor disse que ‘não quer fazer parte de um evento exclusivista’, que o Live 8 ‘não faz com que você se sinta mais próximo à África, apenas trata o continente como um lugar fracassado, doente e cansado’, e que ‘os artistas que estiveram lá vão adorar o aumento de vendas de seus discos depois dos shows’.

Albarn disse que até participaria do evento se ele fosse realizado de outra maneira. Ele acredita que as atrações deveriam demonstrar que realmente se importam com a África, como se houvesse a existência de uma discussão sobre o assunto e que os artistas pressionassem as gravadoras para demonstrar que esse show é um ato altruísta e não com interesses pessoais.

E não é que ele tem um pouco de razão…

Sem mais artigos