Festival Lollapalooza Brasil deve movimentar mais de R$ 100 milhões na economia paulistana

O Autódromo de Interlagos receberá mais uma edição do Lollapalooza Brasil nos dias 25, 26 e 27 de março, que terá atrações como The Strokes, Foo Fighters, Miley Cyrus, Martin Garrix e muito mais artistas nos três dias de festival.

Na última pesquisa realizada no evento pelo Observatório de Turismo e Eventos da São Paulo Turismo, os visitantes representaram mais da metade do público total, e movimentaram perto de R$ 100 milhões com gastos na cidade em hospedagem, alimentação, lazer e outros. Na época, os hostels paulistanos estavam praticamente lotados, com ocupação média na casa dos 95% durante o final de semana do festival.

Este ano, o Observatório fará novo levantamento no Lollapalooza para estimar a movimentação financeira na capital paulista e mostrar o perfil do público – os resultados serão divulgados somente após a realização do evento.

Num período em que a pandemia de coronavírus ainda afeta o setor de entretenimento no mundo todo, para esta edição, a organização do festival definiu como protocolo sanitário a exigência de apresentação do comprovante de vacinação e o uso de máscara.

Segundo o presidente da SPTuris, Gustavo Pires, o momento pede cautela e essas medidas devem continuar. “Tivemos uma ótima experiência no fim do ano passado, também no Autódromo, com o Grande Prêmio de São Paulo de Fórmula 1, realizado em novembro de 2021, e agora o Festival Lollapalooza será mais um bom exemplo de que podemos retomar os eventos com os cuidados necessários para preservar a saúde de todos, gerando negócios e trazendo turistas à capital paulista”, disse.

Confira abaixo os principais dados da última análise realizada pelo Observatório da SPTuris:

Gasto médio dos turistas: R$ 1.659,00

Permanência média: 2,3 dias

Lollapalooza deve movimentar mais de R$ 100 mi na economia paulistana

Sem mais artigos