A tosqueira parece não ter mais fim. Você, que achou que nada poderia ser mais trash do que o leilão da água que restou do copo de Elvis Presley, vai ficar passado com o mais novo produto-de-segunda-mão-quase-usado-por-um-famoso.

O produto, no caso, é um rolo de papel higiênico. O famoso, ou melhor, famosos em questão são John Lennon, Paul McCartney, George Harrison e Ringo Starr. Pois é.

Antes que você solte um mega “ECA!”, lembre-se da parte do quase-usado. Os garotos de Liverpool teriam se recusado a usar o tal rolo de papel durante uma sessão de gravação nos estúdios Abbey Road por dois motivos: 1) o papel era áspero demais para suas peles delicadas (ui!) e 2) todas as folhas possuíam a marca EMI (a gravadora), algo que os Beatles não acharam muito legal.

Quem comprar o papel higiênico poderá ficar tranquilo quanto à sua origem. Isso, porque o diretor geral dos estúdios Abbey Road da época, Ken Towsend, assinou um atestado de autenticidade para deixar o futuro comprador mais “tranquilo”.

Se interessou? Bom, o leilão vai até o dia 11 de janeiro. O único problema é o preço um pouco “salgado” demais: mais de R$ 200 mil reais.

Apesar da doidera do vendedor, parece que, dessa vez, ninguém está levando a coisa a sério, já que nenhum lance foi feito até o momento.

Sem mais artigos