Existem personalidades que inspiram um livro, outras um filme. Mas Michael Jackson, desta vez, foi inspiração para uma conferência.

Pois é. Dezoito especialistas se reuniram na Universidade de Yale para discutir aspectos sexuais, raciais e artísticos da carreira do cantor.

O objetivo não era discutir o processo que está sendo movido contra o cara na Justiça americana, sobre o suposto caso de abuso sexual. E sim como a mídia está cobrindo o caso.

Além disso, foi discutido como foram criados falsos estereótipos sobre a homossexualidade depois das alegações de pedofilia feitas ao astro.

Sem mais artigos