Naná Vasconcelos, percussionista recifiense de 63 anos, está internado em uma UTI (Unidade de Terapia Intensiva) com complicações pulmonares, em Olinda (PE), desde a madrugada desta quinta-feira.

O músico sofreu um pneumotórax (acúmulo de ar na membrana do pulmão), informa o médico Paulo Rodrigues, do hospital São Salvador, para onde o músico foi levado por volta das 3 horas da manhã de quinta-feira.

Segundo Rodrigues, devido ao fumo de longa data (mais de 40 anos), ele desenvolveu um enfisema pulonar. Vasconcelos foi submetido a uma drenagem -procedimento cirurgico-, nesta quinta-feira.

Por enquanto, não há previsão de alta. O músico está consciente, com pressão arterial estável, mas seu estado de saúde “merece certo cuidado de monitoramento”, diz o médico, e na melhor das hipóteses, ele poderá ser tranferido para um quarto só na próxima semana.

Vasconcelos começou a sentir dores no peito na pultima quarta-feira e foi encaminhado para um primeiro atendimento de emergência no hospital Unimed em Recife.

Renomado percussionista brasileiro, conhecido no exterior, Naná Vasconcelos é elogiado pela versatilidade e riqueza de sons se seu trabalho, marcado por influências que vão de Villa-Lobos a Jimi Hendrix.

+ Discos que ficaram na história: Synchronicity, o clássico do The Police

+ Biografia: relembre a trajetória de Sting e cia

+ BaixaHits: baixe os hits do The Police no seu PC

Naná Vasconcelos é internado em UTI com complicações pulmonares

Sem mais artigos