O CPM22 acabou de lançar seu quarto CD da carreira, o Ao Vivo MTV, gravado no Espaço das Américas, em São Paulo, nos dias 10 e 11 de maio.

O álbum, que também possui um DVD do show, faz uma releitura da carreira do grupo. Pode parecer meio precipitada esta “coletânea”, mas a escolha das músicas mostra que o grupo já possui um repertório suficiente para isto.

Além antigos sucessos como Tarde de Outubro, Regina Let’s Go e Dias Atrás, o grupo soma faixas do recente álbum Felicidade Instantânea e mais cinco músicas inéditas. O vocalista Badaui falou com exclusividade ao Virgula Música sobre este novo projeto da banda, confira:

Virgula Música – Como foi a escolha do repertório? Há muitas músicas desde a fase independente até algumas inéditas…

Badaui – Primeiro a gente colocou todas no papel e começou a escolher as que agradavam a banda em primeiro lugar. Depois somamos aquelas que não podem faltar, as que viraram clipe e tal. Aí encaixamos as músicas novas e foi completando com algumas que também não podiam ficar de fora, mas é claro que a gente acabou deixando muita coisa de fora do repertório.

Virgula Música – E essas músicas inéditas? Vocês já estão trabalhando em material para um novo CD de inéditas?

Badaui – Não, ainda não. Por enquanto faremos a turnê deste disco, que vai durar uns nove meses, por aí. Aí só lá pelo meio da turnê que vamos começar a pensar nelas. Nem sei se elas entrarão, talvez entre só algumas, nenhuma, ou todas, não sabemos ainda como vai ser…

Virgula Música – E o resultado final, tanto do CD quanto do DVD, agradou vocês?

Badaui – Agradou sim, e muito. É claro que na hora de assistir e ouvir cada um que faz a sua parte e vê que podia fazer muito melhor, é natural. Ao vivo tem todo o lance da energia do show, correndo no palco, sem fôlego. O DVD reflete bem o calor da banda e a pegada ao vivo que a gente colocou aqui. É claro que a gente sempre acha um defeito ou outro, mas isso não importa, o resultado final agradou muito o pessoal da banda e esperamos que agrade também a galera.

Virgula Música – Houve um convite da MTV pra vocês fazerem um show acústico e vocês bateram o pé pra fazer ao vivo. Rolou isso mesmo?

Badaui – Rolou sim. Mas ninguém tava afim de fazer uma turnê acústica, nem temos tantos hits assim, queremos esperar mais. Além do que, a gente precisaria de muito mais tempo para refazer as músicas e mudar toda a estrutura delas. A verdade mesmo é que ninguém tava afim desse projeto.

Virgula Música – O CD tem uma mescla de músicas antigas, da fase independente, até músicas inéditas, essa era a cara que vocês queriam da pro CD? Como se fosse uma “coletânea ao vivo”?

Badaúi – O mais legal do show é que ele tem músicas desde o CD independente até depois do Felicidade Instantânea, todos tiveram a sua fase, é um repertório que faz uma seqüência muito boa pra banda, desde o passado até além do último CD. É claro que muita coisa que queríamos ficou de fora, mas não dá pra fazer um show muito extenso, fica cansativo. Por exemplo, eu queria algumas músicas que não entraram, como Felicidade Instantânea e Crise de Existência…Mas o legal mesmo é a gente ver que conseguiu acumular repertório nestes anos para chegar nesse ponto de “ter” que deixar algumas músicas de fora….

Virgula Música – Vocês, como maior referência de banda que saiu do underground e conquistaram seu espaço, o que acham da atual cena independente?

Badaúi – Não acho que somos a maior referência, fizemos parte de todo um movimento da época que tá aí até hoje. Mas acho que rola legal, desde quando começamos já existiam umas bandas que tinham mais estrutura, um bom equipamento, e faziam shows muito melhores do que bandas com gravadora, isso reflete no futuro, que nem o Dead Fish hoje em dia que também está bem na cena. O que acho mais legal é que hoje em dia a molecada não tem medo de fazer música, eles vão lá, montam uma banda e se arrisca pra tentar seguir em frente com a música…

Virgula Música – Mande um recado pros internautas do Virgula.

Badaui – Queria agradecer a força de todo mundo aí que sempre apoiou a banda desde o começo, e queria também convocar a galera pra assistir o show e depois ouvir o CD e o DVD. A gente curtiu muito o show e esperamos que agrade vocês também.

Sem mais artigos