O órgão americano federal de aviação liberou Justin Bieber de ocorrências registradas em janeiro. 

A FAA (Federal Aviation Administration) investigava um incidente acontecido no avião particular do canadense. Ele e os passageiros que estavam no veículo foram detidos, após relatos de que eles haviam destratado a tripulação do avião e fumado tanta maconha que os pilotos tiveram que usar máscara de oxigênio no voo.

Como não foi encontrada nenhuma maconha no avião e a tripulação dele preferiu não prestar queixa, a investigação foi encerrada.

Se livrou dessa, em Bieber?

 

Sem mais artigos