Sharon Van Etten

Sharon Van Etten

Dona de uma sensibilidade única, Sharon Van Etten vem pela primeira vez ao Brasil para mostrar seu trabalho. A cantora, que nasceu em Nova Jersey, nos Estados Unidos, tem uma discografia inteiramente marcada pelo amor e suas cicatrizes, com letras intensas mas românticas ao mesmo tempo. Seu álbum mais recente, Are We There, foi lançado em 2014 e é resultado do término de um relacionamento que durou dez anos.

Para saber mais sobre a turnê de Sharon pelo Brasil – ela se apresenta nesta quinta (11) no Rio e na sexta (12), bem no Dia dos Namorados, em São Paulo – o Virgula Musica trocou algumas ideias com ela. Apesar de cantar muito sobre seus heartbreaks, Sharon é encantadoramente alegre e revelou que adora dançar samba e ouvir Milton Nascimento. Aliás, essa pode ser a única e última chance de vê-la em terras brasileiras por algum tempo: a cantora pretende dar um tempo nas turnês e focar em cursar Psicologia no ano que vem.

Virgula MúsicaEssa é a primeira vez que você vem para o Brasil. Como você está se sentindo?

Sharon Van Etten: Muito animada! Eu nunca estive na América do Sul antes. Acho que eu tenho muita sorte, porque não é todo mundo que tem essa oportunidade.

Você vai tocar músicas mais antigas nos shows ou só as mais novas?

Vou fazer um mistura de músicas antigas e novas, já que eu nunca estive aqui antes. Acho que não seria justo se eu tocasse só as novas. Mas de qualquer jeito eu gosto de fazer essa mistura e a banda gosta de trocar também, é bastante revigorante.

Você já teve contato com fãs do Brasil pela internet?

Sim, já teve gente que me mandou mensagens no Instagram, no Facebook e no Twitter. Sabe, é muito engraçado, as pessoas sabem quem eu sou e eu estou muito longe, em outro continente. E eu senti que as pessoas que me escreveram são mais novas, então estou bem curiosa por isso. Estou pronta pra qualquer coisa, mas as pessoas têm sido muito simpáticas, tanto pela internet quanto pessoalmente.

Então tem sido uma descoberta, uma jornada.

Sim, porque como você sabe quem vai gostar da sua música ou ir no seu show? Você não tem como prever quantas pessoas vão se conectar com o que você faz, especialmente em outro país.

Você lançou um EP nesta terça-feira (9), que se chama I Don’t Want To Let You Down. Por que você resolveu lançá-lo agora?

Todas as músicas, menos uma, foram gravadas durante a fase do Are We There. É basicamente uma coleção de músicas que são uma extensão do meu último álbum que eu não queria que fossem esquecidas, que ficassem pra trás. São as músicas que não se encaixaram no disco, mas isso não quer dizer que elas são menos importantes, eu trabalhei muito nelas.

Seu show em São Paulo vai ser bem no Dia dos Namorados aqui no Brasil, e as músicas do Are We There são bastante pesadas, porque ele fala do término de um relacionamento. Como você acha que vai ser isso?

Bom, o álbum documenta os altos e baixos de um relacionamento, mas também fala da descoberta de que eu preciso tomar o meu próprio caminho. Eu agora estou em um novo caminho que ainda é cheio de amor e esperança. Foi uma decisão difícil de ser tomada, mas ela foi feita por causa de amor. A gente não se amava mais e eu queria seguir algo que significasse mais para mim e que trouxesse mais amor para o mundo.

E o seu show no Rio vai acontecer pelo Queremos!, que é uma plataforma de crowdfunding de shows. Qual é a sensação de ter sido trazida pelos seus próprios fãs?

É incrível! Essa ideia é bastante nova para mim, isso nunca aconteceu comigo antes. Vir para outro país já é demais, e ser trazida pelos fãs, então… Eu me sinto muito honrada e muito sortuda. Eu não fazia a mínima ideia de que tinha tantos fãs aqui.

Sharon Van Etten

Sharon Van Etten

Você conhece alguma coisa de música brasileira?

Um amigo meu que é brasileiro e conheci em Nova York tem uma banda muito legal que se chama The Soundscapes. E eu adoro dançar, então gosto de samba, bossa nova… No meu aniversário no ano passado um amigo me deu um álbum do Milton Nascimento que é muito incrível. Mas eu ainda estou explorando a música brasileira.

Quais são os seus planos para o futuro?

Depois dessa turnê pela América do Sul vou tocar no Glastonbury, na Inglaterra, e no Halfway Festival, na Polônia. Depois vou voltar para casa, em Nova York, e vou focar em compor, gravar, colaborar com outros artistas, montar meu estúdio em casa… No ano que vem vou começar uma faculdade, talvez de Psicologia. Provavelmente vou fazer alguns shows em 2016, mas vou tirar o resto desse ano para descansar porque estou num ritmo frenético desde 2010. Sinto que estou pronta pra tirar esses seis meses de férias para focar nos meus amigos e na minha família.

Você quer deixar uma mensagem para todo mundo que está ansioso pelos seus shows?

Obrigada por esperarem por mim! É uma honra estar aqui e estamos muito animados para tocar para vocês. Falem comigo no show, porque eu preciso da energia de vocês para continuar!

SERVIÇO

Sharon Van Etten no Rio de Janeiro

Quando: 11 de junho

Onde: Imperator Centro Cultural João Nogueira (Rua Dias da Cruz, 170 – Méier – Rio de Janeiro, RJ)

Ingressos à venda neste site

Popload Gig #37 com Sharon Van Etten

Quando: 12 de junho

Onde: Cine Joia (Praça Carlos Gomes, 82 – Liberdade – São Paulo, SP)

Ingressos à venda neste site

Sem mais artigos