Confira a entrevista com o artista

Nesta quinta-feira (05), o artista Thiago Jamelão disponibiliza em todas as plataformas de streaming o EP “SÓIS”. O registro reúne seis faixas e traz composições feitas em parceria com o rapper Emicida.

Em “SÓIS”, Jamelão versa sobre como as dúvidas e as certezas que temos sobre nosso presente e nosso futuro podem ser motores para nossa história. Com letras que trazem uma perspectiva solar sobre relacionamentos, amores e futuro, o artista cria um paralelo com a possibilidade da existência de um novo sol, representando um novo ambiente, para cada novo “eu” que surge na nossa história.

Acredito que viemos a esse mundo para sairmos melhores do que entramos, esse é o trabalho durante a vida, dito isso penso, Se desejamos um mundo melhor, precisamos pensar nas nossas relações, ações. Se a vida é a arte do encontro, a mudança que queremos ver começa em nós e em cada outro que encontramos. O cuidado e respeito com o outro é um caminho para começar a enxergar a transformação”, afirma o artista em entrevista.

As faixas “Morada”, “2000ealgumacoisa” e “Beijando”, contaram com a parceria de Emicida na composição e o artista detalha mais sobre essa parceria. “ Um prato de comida na mesa, conversa sobre a vida e um violão do lado, foram quando vieram essas canções. Daí foi entrar pro estúdio e gravá-las, bem fluido assim mesmo”.

Com o protagonismo para os arranjos no violão, mas com a presença de beats eletrônicos, o disco traz elementos da MPB e R&B. “[Quis] trazer uma sonoridade que gosto muito de ouvir em artistas que gosto. A ideia inicial do EP era ser voz, violão, teclado e alguns outros instrumentos. Depois que ele foi ganhando mais roupa, mas só queria trazer um som mais próximo a minha realidade de produção no momento, tipo usar o que tinha no meu quarto”, detalha o artista.

Thiago Jamelão mira na reconciliação com si e com o mundo no EP “SÓIS”

Sem mais artigos