Crédito: Marta Ayora

Os prevenidos trouxeram suprimentos para aguentarem um dia inteiro de shows. Mas quem prefere consumir dentro do Autódromo de Interlagos terá que desembolsar uma quantia razoável.

Pelo menos neste ano, não houve aumento no preço da cerveja e nem da água. Uma latinha sai por R$13, enquanto a água se manteve por R$6. Mas se quiser comprar uma lata de refrigerante, o custo já sobe para R$10.

O público já está ciente dos preços acima da média dentro no festival e tenta se virar com bolachas, barras de cereais e salgadinhos trazidos de casa. O cone mais barato de batata frita no Lollapalooza sai por R$16, mesmo preço do cachorro-quente e do sanduíche de calabresa.

Se quiser comer um pastel, melhor preparar o bolso: são R$15. Um dos itens mais caros do cardápio é um balde com três pedaços de frango e batas fritas, que dá para dividir com os amigos, e custa R$28.

Autoramas no Palco Onix

Autoramas agita o Palco Onix no 1º dia de festival | Créditos: Marta Ayora
Autoramas agita o Palco Onix no 1º dia de festival | Créditos: Marta Ayora
Autoramas agita o Palco Onix no 1º dia de festival | Créditos: Marta Ayora
Protestos não ficaram de fora do show | Créditos: Marta Ayora
Autoramas agita o Palco Onix no 1º dia de festival | Créditos: Marta Ayora
Autoramas agita o Palco Onix no 1º dia de festival | Créditos: Marta Ayora
Autoramas agita o Palco Onix no 1º dia de festival | Créditos: Marta Ayora

Vai encarar? Pastel chega a R$15 no Lollapalooza 2019

Sem mais artigos
Sair da versão mobile