O Brasil é o próximo país da América Latina a publicar sua versão de uma das bíblias da música, a revista Rolling Stones.

Editada pela Spring, e tendo com editor-chefe Ricardo Cruz, ex-editor da revista da MTV, a Rolling Stone brasileira terá metade do conteúdo produzido pela matriz norte-americana e outra metade pela equipe local.

Desde 1998 já circulavam na Argentina, no Chile e no México versões latinas da revista, além de uma edição que atendia ao mesmo tempo Colômbia, Venezuela e Equador.

A Rolling Stone foi fundada em 1967 por Jann Wenner, até hoje editor da revista, e o primeiro veículo a tratar a música como ‘um assunto sério’. Teve em sua equipe grandes nomes como Lester Bangs, criador do termo ‘punk’ e autor de textos irreverentes, às vezes até agressivos. Alguns deles podem ser lidos no livro Reações Psicóticas, que reúne textos publicados pelo jornalista na revista.

No Brasil, a revista chega às bancas em outubro com tiragem inicial de 100 mil exemplares.

Sem mais artigos