Walter Carvalho dirige videoclipe de Alexandre Nero

Alexandre Nero lançou recentemente o clipe de “Virulência”, sua nova música de trabalho. Ele tem que tem direção do cineasta Walter Carvalho e faz parte do quarto álbum do artista.

A canção nasceu de uma colaboração do curitibano com o compositor, cronista e escritor carioca Aldir Blanc. “Antes de conhecer o Aldir, minha ideia era fazer um espetáculo de teatro em cima da obra literária e das músicas dele. Depois, começamos a trocar ideias: foi quando sugeri fazermos uma parceria. Aldir prontamente trabalhou na letra e me enviou, mas quando a recebi, achei que não se encaixava na atmosfera do álbum e propus adaptá-la, de alguma forma. Ele me deu total liberdade pra mexer no que eu quisesse”, pontua Nero.

Foram muitos e-mails, textos e conversas entre os dois. “ A base de “Virulência” reproduz o texto original do Aldir, acrescido de alguns rabiscos, aforismos e luxuosas sobras que ele me enviou, posteriormente. Trocamos mensagens sobre como ficaria, mas ele acabou não vendo a versão finalizada”. Com a morte do Aldir Blanc e o seu envolvimento na composição, Alexandre recorreu ao músico e compositor Antônio Saraiva, produtor do novo álbum: “Fiquei cheio de incertezas sobre letra e melodia, por quais caminhos deveria seguir, então convidei o Saraiva me ajudar a terminar ‘Virulência’”, conclui.

O videoclipe que estreia agora foi, na verdade, o primeiro a ser gravado, como conta Alexandre Nero. “Precisava de alguém à altura para dirigir o clipe de Virulência, então, pensei: porque não o Walter Carvalho, um dos maiores cineastas da nossa história? Ficamos amigos durante as filmagens da série ‘Onde nascem os fortes’, na Paraíba, que foi onde tudo começou, onde compus a primeira canção do disco. Liguei pro Waltinho, contei a história da música, que era uma parceria com Aldir, ele topou na hora”, revelou.

Walter Carvalho dirige videoclipe de Alexandre Nero

Sem mais artigos