Quem conferir encontrará nos créditos do primeiro albúm do White Stripes o nome Jim Diamond, citado como produtor e engenheiro de som.

Apesar dos tais créditos, o nome do produtor é James Diamond, que entrou com um processo, alegando ter colaborado com o primeiro CD da dupla, lançado em 1999.

Fornecendo “sugestões artísticas”, supervisão e contribuições, Jim Diamont parece não ter ficado satisfeito com o reconhecimento de seu trabalho e muito menos com o retorno monetário de um CD que vendeu mais de 40.000 cópias com uma rapidez absoluta.

No tal processo o produtor pede uma porcentagem não divulgada de royalties sobre as vendas do disco, direitos de propriedade autoral sobre as gravações e uma parcela nos lucros futuros sobre a comercialização do álbum.

O porta-voz da banda jura, que não será dessa vez que Diamont sairá satisfeito pelo “novo” trabalho imposto à banda, e afirma que suas alegações são “sem mérito” e serão combatidas “vigorosamente”.

Sem mais artigos