Infecções respiratórias aumentam riscos em até seis vezes

Reprodução Infecções respiratórias aumentam riscos em até seis vezes

Pessoas que enfrentam gripe ou pneumonia têm mais chances de sofrerem ataques cardíacos ou derrames logo após o problema. A descoberta é de um estudo feito no Reino Unido, pela Escola de Higiene e Medicina Tropical. Pesquisadores avaliaram mais de 1,2 mil adultos que tiveram o primeiro caso de parada cardíaca e mais de 760 deles tiveram o problema no coração após infecção respiratória viral ou bacteriana, entre 2004 e 2014. Esse grupo se mostrou seis vezes mais propenso a ter um ataque cardíaco em até três dias após a gripe ou pneumonia.  

Os pesquisadores também descobriram que enquanto o risco de ataque cardíaco aumenta na semana seguinte à infecção, as chances de derrame são maiores durante um mês após problemas respiratórios. Pneumonia e gripe tiveram o impacto mais grave sobre riscos de derrame e parada cardíaca. A vacinação, então, seria uma forma de reduzir esses problemas, segundo a pesquisa.

Vacina contra gripe previne ataque cardíaco e derrame, diz estudo

Sem mais artigos