Deborah Secco se despiu de toda vaidade, perdeu 11 quilos e deixou as olheiras à mostra em Boa Sorte, novo filme que vive uma soropositiva em estado terminal. Na sequência, ganhou 14 quilos para o filme A Estrada do Diabo, de André Moraes, e o choque não foi só dela. “Minha mãe chorava muito”, contou a atriz sobre as mudanças bruscas de aparência para os papeis.

Deborah parece estar certa, já que foi aplaudida de pé na estreia do filme no Festival de Cinema de Paulínia, que aconteceu no último mês. Outros atores também ganharam aplausos (e prêmios) por mudanças de visual, geralmente para pior. Pegue Nicole Kidman, que ficou “feia” para viver a escritora Virginia Woolf em As Horas, e ganhou um Oscar de Melhor Atriz. O mesmo aconteceu com Charlize Theron na pele de uma psicopata em Monster.

Virgula Diversão relembra outros atores e atrizes que ficaram feios – ou pelo menos menos bonitos do que na vida real – em nome da sétima arte.

Sem mais artigos