O cineasta francês Luc Besson aposta na química entre Michelle Pfeiffer e Robert De Niro em A Família, o seu novo filme de mafiosos que já estreou nos cinemas do país e que traz ambas as estrelas contracenando juntas pela primeira vez.

“É verdade que já havia rodado dois filmes com Robert, mas só nos víamos no tapete vermelho”, declarou na quarta-feira (15) a atriz durante a apresentação do filme em Paris, o qual narra a história de uma família da máfia nova-iorquina que, arrependida e sob proteção do FBI, se instala na cidade de Normandia.

Na trama, De Niro vive o personagem Fred Blake, também conhecido como Giovanni Manzoni, que, apesar seus indubitáveis esforços para se socializar e se afastar do crime, acabará recuperando rápido seus velhos costumes, enquanto Pfeiffer representa sua esposa (Maggie Blake).

“Me encanta interpretar o papel de uma mulher da máfia”, assegurou a atriz americana, quem já encarnou personagens parecidos em filmes como De Caso com a Máfia.

Por sua parte, De Niro, que se mostra à vontade neste segmento, tendo em vista sua marcante participação na saga de O Poderoso Chefão, assinalou que não sentia nostalgia por esse tipo de papéis, embora tenha destacado que A Família deverá dar um novo giro ao gênero.

A originalidade do filme está relacionada ao fato do longa “não ser um filme sobre a máfia, mas sobre família”, apontou Besson, que ressaltou que sempre se perguntava sobre “o que tinha ocorrido com as famílias da máfia dos anos 70 e 80”.

O roteiro da trama se baseia no livro homônimo do escritor Tonino Benacquista, que encantou o renomado diretor. De imediato, Besson seria apenas o roteirista do filme e, mesmo neste momento, já pensava em De Niro como seu protagonista.

O cineasta, reconhecido por sucessos como O Profissinal (1994), Joana d’Arc (1999) e Além da Liberdade (2011), dirige pela primeira vez uma comédia, a qual qualificou como “um pouco negra e violenta”.

De acordo com Pfeiffer, Besson “trabalha com uma intensidade louca, embora seja muito divertido”. Além das estrelas centrais, o elenco de A Família, que estreou nos cinemas brasileiros no final de setembro, também conta com Tommy Lee Jones e Dianna Agron, quem destacou: “Quando pensas em filmes franceses, pensas em Luc Besson”.

Sem mais artigos